Notícias
15
Jul
2018
Energia solar: redução nos custos é aposta das empresas

Energia solar: redução nos custos é aposta das empresas

Para o presidente executivo da Absolar, Rodrigo Lopes Sauaia, já é possível instalar as placas fotovoltaicas com preços mais em conta comparado a anos anteriores.

283977,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0.jpg

Ananias Gomes aponta redução no custo já no 1º ano

Foto: Gustavo Gloria/Folha de Pernambuco

Apesar de ser analisado por muitos consumidores como um investimento alto, o custo para instalação de um sistema de energia solar teve queda de 70% a 80% nos últimos dez anos. Segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica(Absolar), a tecnologia para o setor tem se tornado mais desenvolvida e acessível. E após receber o valor investido, a conta de energia do consumidor se transforma em tarifa mínima, com um custo bem menor.

Para o presidente executivo da Absolar, Rodrigo Lopes Sauaia, já é possível instalar as placas fotovoltaicas com preços mais em conta comparado a anos anteriores. Para uma família de quatro pessoas, a média do investimento é de R$ 15 mil a R$ 20 mil. E a partir de quando o sistema tiver operando, a redução na conta fica entre 80% e 90%, apresentou Sauaia, ao complementar que o consumidor não precisa utilizar recursos próprios. O tempo de retorno do investimento é de quatro a sete anos para um sistema que dura mais de 25 anos, disse.

Economicamente viável, como afirma a empresa Insole, o projeto solar apresenta uma redução de 25% das despesas anuais em energia elétrica já no primeiro ano de funcionamento. As pessoas se assustam com o alto valor agregado ao produto, mas a Insole oferece o sistema com pagamentos mensais pré-determinados. E depois do término do pagamento das parcelas, a conta de energia do consumidor fica apenas com a tarifa mínima entre R$ 30 e R$ 70, explicou o diretor-presidente da Insole, Ananias Gomes, ao complementar que as parcelas do financiamento para o consumidor residencial é o mesmo valor da conta de energia, e para o consumidor comercial a parcela chega a ser menor.

E para ser possível fazer essa redução na conta, a Nova Meta Consultoria e Gestão analisa as faturas de consumidores de baixa tensão, a exemplo de residências e pequenos comerciantes. Na prática, pegamos a conta de energia do consumidor e fazemos a análise econômico-financeira para mostrar a viabilidade do projeto e assim ser possível realizar o financiamento. Com o sistema, pode haver redução de até 95% no custo da fatura de energia, explicou a diretora comercial , Patrícia Almeida.

Eduarda Barbosa - Folha de Pernambuco

Comente essa publicação